Eduardo Suplicy é, pela primeira vez, tema de documentário
© Victor Hugo Fiuza

O dia 2 de outubro de 2016 ficará marcado na história de São Paulo. Neste dia, uma das figuras mais carismáticas da política nacional e grande defensora de pautas relacionadas aos direitos humanos, se tornou o vereador mais votado, até então, na capital paulista e no Brasil, com 301,4 mil votos. “Quatro Dias com Eduardo” registra como foram os últimos dias que levaram Eduardo Suplicy a esse feito e revela os bastidores de uma das eleições mais polêmicas dos últimos tempos.

O longa-metragem, produzido por Glenda Almeida e dirigido por Victor Hugo Fiuza, é o primeiro filme a ser rodado sobre Eduardo Suplicy. Rodado em 2016, de forma independente, o documentário passou nos últimos anos pelo processo de montagem e edição. E, neste mês de junho, a produção do filme abriu uma campanha, realizada por meio do site de financiamento coletivo Catarse, a para arrecadar cerca de 100 mil reais para arcar com os custos de sua finalização e lançamento.

No documentário, os bastidores da campanha de Eduardo Suplicy e também de Fernando Haddad, que buscava à reeleição na cidade de São Paulo, se misturam à vida privada do político. Com 75 anos à época, o homem, que já dedicou mais de 40 anos à vida pública, abre sua casa e mostra um pouco de sua rotina intensa, de seus amores e também de suas dúvidas e questionamentos.

Relacionados

Compartilhe

(1) Reader Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>