O BrLab, único laboratório de desenvolvimento de projetos audiovisuais no Brasil que recebe projetos de toda América Latina e Península Ibérica, divulgou os projetos selecionados para a sua décima edição. O evento, que será realizado de 5 a 27 de novembro, promoverá, ainda, diversas atividades online gratuitas e abertas ao público.

Este ano, o BrLab recebeu 591 inscrições, sendo 386 brasileiras e 205 estrangeiras, e foram selecionados 12 projetos. Deste total, 6 são brasileiros (Bahia, Ceará, Distrito Federal, Minas Gerais, Pernambuco, e São Paulo) e 6 representam os países Colômbia, Cuba, Equador, México, Peru, Paraguai e Uruguai.

Integram a seleção, futuros filmes de cineastas premiados e novos talentos audiovisuais da região, como o cineasta paraguaio Pablo Lamar, que participa com seu novo longa “Remanso”, a diretora e atriz brasileira Grace Passô, com seu primeiro longa como diretora baseado em uma peça de sua autoria “Amores Surdos 1500″, a premiada curta-metragista colombiana Juanita Onzaga, que participa com o projeto de longa “Las Tierras que te Buscan”. Também complementam o time de diretoras, a peruana Melina León, com seu segundo longa “San Blas”, a equatoriana Ana Cristina Barragán, com seu terceiro longa-metragem “La Hiedra”, e as brasileiras Everlane Moraes, com “O Segredo de Sikán”; Rafaela Camelo, com “Sangue do meu Sangue”, e Janaína Marques, com “Amores Paraguayos”. Outros quatro diretores estreantes no longa-metragem, mas com trajetórias consolidadas como curtas-metragistas e/ou assistentes de direção, complementam a seleção deste ano: os brasileiros Diego Paulino, com “Experiências Incômodas em Dias Nublados”, e Maick Hannder, com “Perto da Meia Noite”, o cubano Damián Sans Edwards, com “Los Caídos”, e o uruguaio Sergio de León, com seu primeiro longa de ficção “Siempre Vuelven”.

A comissão de avaliação e seleção foi formada por Elzemann Neves (Roteirista e dramaturgo, SP/PA), Emmanuelle Déprats (Gestora cultural, França/RJ), Erick Gonzalez (Diretor do AUSTRALAB, Chile), Fábio Leal (Diretor, roteirista, ator e preparador de elenco, PE), Fernanda De Capua (Produtora, roteirista e diretora, SP), Flavia Candida (Curadora, cineasta e produtora, RJ), Giovani Barros (Diretor, roteirista e produtor de elenco, RJ), Iana Cossoy Paro (Roteirista e professora de roteiro, SP),  Jaqueline Souza (Roteirista e consultora, PR), Joelma Gonzaga (Produtora e produtora executiva, SP),  Julia Katharine (Atriz, roteirista e cineasta, SP), Larissa Figueiredo (Roteirista e diretora, DF), Leonardo Mecchi (Produtor, SP), Leticia Santinon (Curadora e produtora, SP), Marcela Esquivel (Roteirista, diretora e produtora, Costa Rica), Marcio Miranda Perez (Curador e programador, SP), Maria Carla Del Rio (Produtora, Cuba), Marina Torre (Coordenadora de Produção e Conteúdo do BrLab, SP), Rafael Sampaio (Produtor e Diretor do BrLab, SP),  Talita Arruda (Curadora e distribuidora, RJ/SP), Thamires Vieira (Diretora e produtora, BA) e Yuri Peixoto (Curador e roteirista, SP).

Os escolhidos para a décima edição do BrLab participam de consultorias com a cineasta Mariana Rondón, diretora do premiado filme “Pelo Malo”; a cineasta argentina Albertina Carri, diretora do premiado “La Rabia”; a consultora de direção mexicana Paula Astorga; a roteirista brasileira Iana Paro Cossoy; a roteirista cubana Xenia Rivery; os premiados produtores Agustina Llambi-Campbell (Argentina) e Giancarlo Nasi (Chile), além de diversos outros palestrantes e convidados que compõem a programação de conteúdos e atividades.

Além de passarem por consultorias de roteiro, direção, produção e distribuição com renomados profissionais, ao final do evento os participantes do laboratório participam de rodadas de negócios e concorrem, ainda, a diversos prêmios oferecidos por empresas e instituições parceiras. Pela primeira vez, a distribuidora Vitrine Filmes entregará o Prêmio Vitrine Filmes – Programa Novos Clássicos do Cinema Brasileiro, que consiste no investimento R$400 mil reais como Start Money em um projeto brasileiro ou estrangeiro coproduzido com o Brasil. Também são oferecidos o Prêmio Desenvolvimento Globo Filmes no valor de R$110 mil reais e o Prêmio Desenvolvimento Vitrine Filmes também no valor de R$110 mil reais. A distribuidora Vitrine Filmes – parceira do BrLab desde a primeira edição – entrega ainda um terceiro prêmio destinado a projetos estrangeiros, o Prêmio Aquisição Vitrine Filmes que consiste no compromisso de distribuição futura de um projeto estrangeiro em território brasileiro. O Projeto Paradiso, que também patrocina parte das atividades do BrLab, oferece o Prêmio Incubadora Paradiso no valor de R$30 mil reais para um(a) do(a)s roteiristas de projetos brasileiros. Os eventos internacionais PopUp Residency, Torino FIlm Lab e Cinéma en Développement de Toulouse selecionam dentre os participantes do BrLab alguns projetos para participarem de suas concorridas atividades, e empresas como Cesnik, Quintino & Salinas Advogados e C/as4atro oferecem horas de assessoria jurídica e assessoria em produção executiva, respectivamente. O Coletivo DAFB – Coletivo de Mulheres e Pessoas Transgênero do Departamento de Fotografia do Cinema Brasileiro – também oferece um prêmio de consultoria em cinematografia para um projeto.

Conheça todos os projetos selecionados para o BrLab 2020:

-  AMORES PARAGUAYOS, direção de Janaína Marques, roteiro de Pedro Cândido e Taís Monteiro e produção de Maurício Macêdo, Moçambique Audiovisual – CE/Brasil

- AMORES SURDOS 1500, direção e roteiro de Grace Passô, produção de Ricardo Alves Junior e coprodução de Rachel Daisy Ellis, EntreFilmes e Desvia – MG e PE/Brasil

- EXPERIÊNCIAS INCÔMODAS EM DIAS NUBLADOS, direção e roteiro de Diego Paulino. Produção: Victor Casé e Tiago Villares, Reptilia Produções – SP/Brasil

- LA HIEDRA, direção e roteiro de Ana Cristina Barragán, produção de Joe Houlberg, coprodução de Gabriela Maldonado, Botón Films e BHD Films – Equador / México

- LAS TIERRAS QUE TE BUSCAN, direção e roteiro de Juanita Onzaga, produção de Jorge Forero – Colômbia

- LOS CAÍDOS, direção e roteiro de Daminán Sainz Edwards e produção: de Viana González, Autonauta Films – Cuba

- O SEGREDO DE SIKÁN, direção de Everlane Moraes, roteiro de Tatiana Monge Herrera, produção de Fernanda Vidigal, Carapiá Filmes – MG e BA/Brasil – projeto selecionado em parceria com Nuevas Miradas – EICTV

- PERTO DA MEIA-NOITE, direção e roteiro de Maick Hannder, produção de Bruno Greco e Jacson Dias, Ponta de Anzol Filmes – MG/Brasil

- REMANSO, direção de Pablo Lamar roteiro de Pablo Lamar e Sara Pinheiro, produção de Gabriela Sabaté e Pablo Lamar, Sapukai Cine e Sabate Films – Paraguai / Brasil / Holanda

- SAN BLAS, direção e roteiro de Melina León, produção de Rolando Toledo, La Vida Misma Films e La Mula Producciones – Peru / França / Brasil – selecionado em aliança com Cinéma en Développement do Festival Cinelatino de Toulouse

- SANGUE DO MEU SANGUE, direção e roteiro de Rafaela Camelo, produção de Daniela Marinho, Moveo Filmes – DF/Brasil / França

- SIEMPRE VUELVEN, direção e roteiro de Sergio De León, produção de Micaela Solé, Cordón Films – Uruguai

Também integram a seleção três filmes em fase de montagem, selecionados para participar da segunda edição do 3 PUERTOS CINE – Montagem – BrLab, que serão anunciados no dia 15 de setembro.

Relacionados

Compartilhe

(0) Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>