Livros, por Hermes Leal — 03 fevereiro 2015
Fotografia

Figura criativa e inquieta, o cineasta e diretor de fotografia Walter Carvalho, que tem sua carreira reconhecida com o trabalho da imagem em movimento, está lançando um álbum livro, “Contrastes Simultâneos” (Cosac Naify), reunindo sua obra não fílmica realizada ao longo de mais de 40 anos. São 200 páginas com fotografias em preto e branco, onde o contraste do filme em película impressiona pelo relevo da cena, imprimindo sua visão particular naquilo que é aparentemente corriqueiro, tirando outros sentidos dos anúncios e pichações nas ruas de pequenas e grandes cidades, personagens e cenas nos centros urbanos, matadouros públicos, carnaval e uma cultura do sertão nordestino, do homem e a paisagem ao redor. São realidades diferentes unidas por um mesmo olhar. E não há uma foto relacionada ao cinema ou à representação, ao contrário, é um trabalho artístico que dialoga com grandes mestres da fotografia como Henri Catier-Bresson e Robert Frank.

Walter, diretor de fotografia em dezenas de filmes como “Central do Brasil” (1998) e diretor de documentários (“Janela da Alma”, 2006) e ficção (“Budapeste”, 2009), iniciou sua carreira na fotografia no começo dos anos 70. Em 1972, ganhava o prêmio nacional de fotografia da revista “Realidade”, e, em 1974, Walter fazia sua primeira exposição no MAM do Rio de Janeiro.

Relacionados

Compartilhe

(0) Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>