O Brazil Cinefest Int’l Film Festival acontece entre 11 e 13 de dezembro, na Cinemateca do Museu de Arte Moderna (MAM) e na Universidade Santa Úrsula, no Rio de Janeiro.

O festival abre no dia 11/12 com sessão de filmes exclusiva para jurados e técnicos que farão avaliações das obras. Na quarta, 12/12, todas as atividades acontecem na Cinemateca do MAM, começando com a mostra infantil, que acontece através da parceria com a Cineplaneta, que desde o ano passado, vem trazendo mais de 100 crianças a cada sessão de filmes infantis; a partir das 17h00, começam as mostras competitivas de curtas e videoclipes, seguida da cerimônia com apresentação musical da atriz e cantora Gabi Borba e homenagem ao produtor Cavi Borges e encerrando com a exibição do filme A Glória e a Graça, de Flavio Tambellini, que aborda o tema da transexualidade com humor e leveza. Destaque para Carolina Ferraz interpretando o papel principal. O filme foi ganhador de melhor roteiro no Grande Prêmio do Cinema Brasileiro 2018.

No dia 13/12, haverá exibições de curtas, infantis e enceramento com coquetel na Universidade Santa Úrsula. A entrada é franca em todas as atividades.

A proposta do Brazil Cinefest é ser uma vitrine de intercâmbio internacional, em que produções nacionais possam ser enviadas para qualquer parte, para qualquer festival ou distribuidora. O inverso também acontece com os filmes estrangeiros. São mais de 600 filmes, entre 4 plataformas digitais de envio. Muitos já se destacam por virem já com grandes prêmios, como é o caso do documentário Wild Awake Dreaming, da brasileira Mariana Keller, ganhador do Emmy e America de Mari Lou Belli (Ganhador de 2 Emmys). O festival já indicou filmes para grandes festivais como La Plata e Grande Prêmio do Cinema Brasileiro, tendo entre seus eleitos, finalistas e vencedores por várias vezes.

Para viabilizar este intercâmbio audiovisual de forma justa e democrática, o festival fechou uma parceria com a SMG Films, uma grandes distribuidora de filmes independentes que trabalha com filmes do mundo todo, e recentemente foi convidado para integrar uma plataforma de filmes chinesa, criada pela Shao Studio Media Production de Pequim.

Relacionados

Compartilhe

(1) Reader Comment

  1. Eu fui ao MAM e estava tudo lindo, a seleção dos filmes foi surpreendente. Adorei.

Deixe uma resposta para Rafaela Fernanda Sampaio Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>