Começam as filmagens de “Detetives do Prédio Azul 2″

Detetives do Prédio Azul (D.P.A.), principal produção nacional e marca líder do canal Gloob, virou filme em 2017 e levou mais de 1,2 milhão de espectadores aos cinemas. Agora, o elenco se prepara para o segundo longa-metragem em grande estilo, com direito a aventuras internacionais. Com produção da Paris Entretenimento, coprodução do Gloob e da Globo Filmes, Detetives do Prédio Azul 2 – O Mistério Italiano terá direção de Vivianne Jundi, que também está à frente da série na TV e do spin-off “Vlog da Mila”, disponível no Gloob Play, plataforma de VOD do canal. O filme começou a ser rodado no dia 29 de junho, no Rio de Janeiro, em locações como o auditório do tradicional colégio Sion, no Cosme Velho, passagens na Lagoa Rodrigo de Freitas, além da Fortaleza de Santa Cruz, em Niterói. Desta vez, a história dos três amigos inseparáveis, unidos pela paixão por mistérios e magia, leva a criançada para longe do tradicional clubinho no Prédio Azul e convida o público para uma viagem até a Itália, onde parte da trama será filmada. A estreia nos cinemas está prevista para 10 de janeiro de 2019.

No filme, Bento (Anderson Lima), Sol (Leticia Braga) e Pippo (Pedro Henriques Motta) decidem gravar um videoclipe para participar de um concurso musical, mas acabam boicotados por Berenice (Nicole Orsini). Chateada por não poder fazer parte do grupo dos detetives, a aprendiz de feiticeira passa a perna neles, rouba seu lugar no concurso e se mete numa grande enrascada. Percebendo que Berenice está em perigo, o trio veste as capas e inicia mais uma investigação. Seguindo algumas pistas, desta vez, a aventura os leva literalmente para longe: chegam à Itália, onde acontece o maior evento de bruxaria do mundo – a Expo-Bruxo. Como a Kombi de Severino não atravessa oceanos, o jeito é voar até a Europa com a vassoura mágica de Berenice. Chegando lá, quem recepciona o trio é o avô italiano de Pippo, Nonno Giuseppe, interpretado por Antonio Pedro, que garante fortes emoções a bordo de seu ‘tuk-tuk’ pelos vilarejos de Puglia. A região, que fica no sul da Itália, é conhecida pelas casinhas de pedra construídas em formato de cone – os Trulli –, que contribuem para o tom lúdico da trama.

Mas é claro que nem tudo acaba em pizza para os detetives: eles ainda terão que enfrentar uma dupla de bruxos mal-intencionados, Máximo e Mínima Buongusto, interpretados por Diogo Vilella e Fabiana Karla. Disfarçados de produtores musicais, eles levam Berenice e as outras crianças classificadas para o falso concurso no porão do castelo onde acontece a Expo-Bruxo. Sua intenção é extrair da voz das crianças um elemento imprescindível para recuperar a energia vital do bruxo Máximo. Mas o que eles não sabiam é que Bento, Pippo e Sol são muito mais do que ‘apenas’ bons cantores, são o trio de detetives infantis mais eficientes do Brasil e, agora, da Itália.

Os amigos também seguem aturando os surtos de mau-humor de Leocádia – agora interpretada pela atriz Claudia Netto – e Theobaldo (Charles Myara), que viajam ao Velho Continente para participar da Expo-Bruxo. Longe dos pais, que foram enfeitiçados e ficaram congelados no prédio sob os cuidados do porteiro Severino (Ronaldo Reis), Sol, Pippo e Bento precisam unir forças e coragem para mais uma missão fantástica, repleta de magia e desafios.

Detetives do Prédio Azul 2 – O Mistério Italiano terá distribuição da Paris Filmes e Downtown Filmes.

Relacionados

Compartilhe

(0) Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>