Trailers TV Revista de Cinema — 04 julho 2019
Estou me Guardando para Quando o Carnaval Chegar

A cidade de Toritama é um microcosmo do capitalismo implacável. A cada ano, mais de 20 milhões de jeans são produzidos em fábricas de fundo de quintal. Os locais trabalham sem parar e os moradores são orgulhosos de serem os donos do seu próprio tempo. Durante o Carnaval, o único momento de lazer do ano, eles transgridem a lógica da acumulação de bens, vendem seus pertences sem arrependimentos e fogem para as praias em busca de uma felicidade efêmera. Quando chega a Quarta-feira de Cinzas, um novo ciclo de trabalho começa.

O diretor Marcelo Gomes estava a caminho de um festival de cinema em Taquaritinga do Norte e ao passar por Toritama ficou impressionado com a loucura que havia se tornado aquela cidade que conhecera pacata, com biblioteca, orquestra de música, festa de padroeiros. Responsável por 20% da produção de jeans do país, Toritama havia se transformado.

Produzido pela Carnaval Filmes, Estou me Guardando para Quando o Carnaval Chegar mostra o envolvimento dos moradores de Toritama com a produção de jeans no Brasil e com o carnaval. O documentário estreia dia 11 de julho, dentro da Sessão Vitrine, projeto de distribuição coletiva da Vitrine Filmes, que lança um título por mês, com sessões diárias e ingressos de valor reduzido, promovendo debates e maior acessibilidade aos filmes.

O filme fez parte da seleção oficial da Mostra Panorama do Festival de Berlim e recebeu Menção Honrosa do Júri Oficial e da ABD/SP, além do prêmio da crítica no Festival É Tudo Verdade 2019.

Relacionados

Compartilhe

(0) Comente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>